Acessibilidade: A+ A() A-

NOTÍCIAS

Doadores recebem certificados em alusão ao Dia Mundial do Doador de Sangue

Por: ascom/sesa - 14/06/2017 - 17:15
Foto: ascom/sesa

Atualmente há 33 mil doadores de sangue no Amapá. Desse total, 45% são pessoas que fazem doações direcionadas, isto é, voltadas especificamente a uma pessoa.

Em alusão ao Dia Mundial do Doador de Sangue e com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância do ato, o Instituto de Hematologia do Amapá (Hemoap) realizou uma celebração especial durante o expediente nesta quarta-feira, 14. O evento teve como tema o ato heroico de salvar vidas e, além das homenagens, houve bolo, serviços de embelezamento e entrega de certificado de honra ao mérito aos doadores do dia.

Atualmente, há 33 mil doadores de sangue no Amapá. Desse total, 45% são pessoas que fazem doações direcionadas, isto é, voltadas especificamente a uma pessoa. O sangue doado pode ser utilizado para diversas finalidades, como tratamento de pessoas com doenças crônicas, alguns tipos de câncer, transplante, cirurgias eletivas de grande porte, acidentes, dentre outras situações que necessitam de transfusão.

A estudante Adrieli Lobato diz que empregar o status de heroísmo aos doadores é algo estimulante. "Mudar o modo de chamar as pessoas para doar sangue contribui muito. Eu sempre tive vontade de fazer essa boa ação e agora com esse novo conceito da campanha estadual, fiquei ainda mais empolgada. Sempre incentivo meus pais e meu namorado a vir doar, pois acho importante esse comprometimento", declarou.

O diretor do Hemoap, Sávio Guerreiro, lembra que o ato de doar sangue requer estratégias, nas quais o doador precisa ter a consciência da responsabilidade social. "Além de conscientizar os novos doadores, a campanha quer fidelizar os que já existem. Com isso, novas estratégias estão sendo adotadas para que o doador faça o ato de forma responsável e espontânea", explicou.

Para doar sangue, a pessoa deve seguir alguns critérios: levar documento de identidade com foto, ter idade entre 16 e 68 anos, ter acima de 50kg, estar bem alimentado (não precisa estar em jejum, apenas evitar alimentos muito gordurosos nas três horas que antecedem a doação). Não ter hepatite B, hepatite C, doença de Chagas, sífilis, Aids (HIV), HTLV.  Após uma doação, as mulheres devem esperar 90 dias para voltar a doar sangue e os homens, 60 dias até uma nova doação.

O evento contou com a parceria do Instituto Federal do Amapá (Ifap) e Juventude Presbiteriana, além dos cuidados de beleza ofertados aos doadores pelos profissionais da Mary Kay, Up e Hinode.

SESA - Secretaria de Estado da Saúde do Amapá
Av. FAB n° 069 - Centro. CEP: 68908-908. Macapá-Ap.
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International

Amapá